fbpx

Você conhece as ciências do Alcorão?

Quando se trata de livro, não há dúvida que o Alcorão é o livro mais lido pelos muçulmanos e representa papel central no Islam. Seus versos são recitados pelos muçulmanos quando fazem suas orações diárias, e todo muçulmano é convidado a recitá-lo mesmo não compreendendo o significado do árabe, pois sendo ele a palavra direta de Deus, é perfeito e capaz de se comunicar diretamente com a alma de quem o recita ou ouve.

Você imagina todas as ciências derivadas dele? O Imam Jalal Ad-Din As-Suyuti, em seu livro Al-Itqan Fi ‘Ulum al-Qur’an, cita algumas dessas ciências, conforme enumeraremos abaixo:

  • Ciência da recitação, que envolve o uso das vogais corretas, a escrita, pronúncia e contagem das palavras, letras, versículos, seções e partes do Alcorão, bem como suas metades, quartos e oitavos;
  • Ciência da gramática do Alcorão, que é o estudo aprofundado das classificações gramáticas de cada palavra do alcorão e como ela se relaciona com as demais palavras;
  • Ciência da exegese, que se concentra nos significados das palavras, as quais podem ter um, dois, três ou mais significados. Esta ciência busca desde as interpretações mais diretas até as menos óbvias;
  • Ciência dos fundamentos da religião, que se concentra nas provas racionais encontradas no Alcorão para estabelecer as bases da doutrina;
  • Ciência dos fundamentos da jurisprudência, que deduz leis do direito islâmico a partir do texto do Alcorão;
  • Ciência histórica, que estuda e relaciona as narrativas históricas encontradas no alcorão com as narrativas e indícios históricos encontrados em outros povos;
  • E também outras ciências e artes antigas, como dialética, retórica, aritmética, geometria, astrologia, medicina e ciência de como governar, entre outras.

“(…) Revelamos-te, pois, o Livro que esclarece todas as coisas, o qual é orientação, misericórdia e boas novas para os muçulmanos.” (16.89)

Sendo pois o Alcorão, um esclarecimento de todas as coisas, não há pessoa que não possa se beneficiar deste santo Livro. O Alcorão é não apenas a palavra de Deus que se manifesta para as criaturas de forma geral, mas a palavra de Deus direcionada a cada indivíduo, e todos os que se dedicam ao livro e assim ganham intimidade e amor pelo Alcorão, para estes está prometida a intimidade também com Deus, como se afirma no seguinte hadith:

Anas narrou que o Mensageiro de Deus (que Deus o abençoe e lhe dê a paz) disse: “Existem certas pessoas que são, para Deus, como pessoas especiais de Sua casa.” Os companheiros perguntaram: “Ó Mensageiro de Deus, quem são essas pessoas?” Ele (que Deus o abençoe e lhe dê a paz) disse: “As pessoas ligadas ao Alcorão. Elas são como a família e os entes queridos de Deus.”

Segundo a interpretação tradicional, “as pessoas ligadas ao Alcorão” são aquelas que o memorizam na íntegra ou em parte e agem de acordo com seus preceitos. É comum, entre essas pessoas, que a lembrança de uma frase do Livro de Deus lhes venha de repente à memória para solucionar um problema ou dar uma orientação necessária. É nesse sentido que se pode afirmar que o Alcorão é uma revelação dirigida a cada pessoa que a acolhe.

Além da leitura atenta e da meditação de seus significados, faz parte dos exercícios religiosos diários do muçulmano a simples recitação do Alcorão. Por tratar-se da Palavra revelada diretamente por Deus, o Alcorão é luminoso em si mesmo e é capaz de abençoar as pessoas que o recitam e o lugar onde é recitado. Abu Hurayra, companheiro do Profeta (que Deus o abençoe e lhe dê a paz), costumava dizer: “A casa onde o Alcorão é recitado se torna espaçosa para seus habitantes; o bem, nela, se multiplica; os anjos vêm até ela e os diabos a abandonam.”

Assim, além das ciências exteriores dele derivadas, o Alcorão também traz em si mensagens pessoalmente dirigidas aos que o meditam e é usado como meio de purificação, cura e bênção de pessoas e lugares. Com efeito, Deus mesmo diz que O Alcorão é “cura e misericórdia para os crentes” (17.82).

Gostou? Quer receber sempre nossas novidades? Clique aqui para se inscrever em nossa newsletter. Caso queira investir nos nossos projetos editoriais, clique aqui.

Referências: AS-SUYUTI, J. D. Gateway to the Qur’anic Sciences. London: Turath Publishing, 1438/2017 . Foto de Adolfo Félix no Unsplash 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *